Destaques Linha 5

Alckmin promete novos trens da Linha 5 no Carnaval

Governador mantém previsão de entrega de nove estações para 2017 mesmo com obras atrasadas
Alckmin na plataforma de Brooklin: "Vamos entregar nove estações em 2017"
Alckmin na plataforma de Brooklin: “Vamos entregar nove estações em 2017”

O governador Geraldo Alckmin visitou neste sábado (04) as obras da estação Brooklin, da Linha 5-Lilás. Como o blog mostrou recentemente, ela é a mais adiantada das dez estações em construção no momento e deve ficar pronta nos próximos meses. Alckmin deu detalhes a respeito da inauguração do trecho, entre eles, o início dos testes com os trens da Frota P a partir do Carnaval (final de fevereiro).

Em entrevista ao jornal O Estado de São Paulo ele declarou que “Esses novos (trens) já serão submetidos a testes no carnaval”. Como se sabe, a Frota P, com 26 unidades, está parada desde 2013, quando começaram a ser entregues, esperando a conclusão da implantação do sistema CBTC, que controlará os trens na Linha 5 em breve. Em testes nas madrugadas e também em alguns domingos, o CBTC, no entanto, não foi liberado ainda para a operação assistida, quando os trens passam a transportar passageiros em horários de menor movimento. É essa a estreia da qual fala o governador.

Alckmin também reafirmou que entregará nove estações em 2017: “Em julho, nós vamos entregar três estações: Brooklin, Alto da Boa Vista e Borba Gato. Ainda este ano, entregaremos, ao todo, seis estações”, disse o governador, segundo texto divulgado pelo governo.

A afirmação inclui as estações Santa Cruz e Chácara Klabin, que interligarão a Linha 5 à Linha 1-Azul e 2-Verde, respectivamente, e que, no caso da primeira, ainda está bastante atrasada e passa por uma segunda licitação que fará o acabamento da estação e que ainda não teve seu vencedor definido.

A previsão mais realista, no entanto, seria entregar Eucaliptos, Moema e AACD-Servidor, que já estão num estágio mais avançado das obras. AACD também possui condições de ser a estação terminal provisória da linha por contar com aparelhos de mudança de via, necessários para que os trens retornem no sentido Capão Redondo.

Concessão à vista

Para um observador, no entanto, as previsões do governo estão muito otimistas. Exceto por Brooklin, o restante da obra está num estágio bem atrasado. Mesmo as duas estações anteriores a Brooklin (Alto da Boa Vista e Borba Gato) ainda precisarão de vários meses para serem concluídas. Coloque na conta o tempo necessário para testes do CBTC e mesmo de todos os sistemas e facilmente passaremos de julho, a data prometida por Alckmin.

O que causa certa confusão no momento é ver Brooklin recebendo placas de sinalização (veja galeria) com o padrão do Metrô, algo desnecessário afinal a Linha 5 deverá ser concedida à iniciativa privada antes de abrir esses novos trechos. Será desperdício de dinheiro ou o governo teria mudado de ideia a respeito da concessão? Vamos acompanhar para descobrir o final dessa novela.

Fotos: Governo do Estado de São Paulo

Leia no Lulica
O que esperar ao mudar-se para a “terra da rainha” 26/8/2020

About the author

Ricardo Meier

É um entusiasta do assunto mobilidade e sobretudo do impacto positivo que o transporte sobre trilhos pode promover nas grandes cidades brasileiras. Também escreve nos sites Airway (aviação) e AUTOO (automóveis).

Airway