Destaques Linha 15

Doria promete quatro novas estações da Linha 15-Prata até dezembro

Governador afirmou que obras devem ser retomadas ainda em março pela empresa Ster Engenharia, vencedora da licitação
Estação Sapopemba: promessa é concluí-la até dezembro(Reprodução/Consulgal)

Após o leilão que concedeu a operação e manutenção da Linha 15-Prata para o consórcio ViaMobilidade – Linha 15, o governador João Doria gravou um vídeo divulgado nas redes sociais em que promete a entrega de quatro estações do ramal ainda em 2019. Doria afirma que as estações Jardim Planalto, Sapopemba, Fazenda da Juta e São Mateus serão inauguradas até dezembro e que as obras serão retomadas ainda neste mês.

A promessa é uma novidade nesta gestão que tem evitado estipular datas de entrega a fim de evitar cobranças. Mas no caso das obras remanescentes da Linha 15, o risco parece pequeno já que as quatro estações estão quase prontas. Faltam trabalhos de acabamento e instalação de sistemas, entre outros.

Previstas para serem concluídas no ano passado, as quatro paradas foram abandonadas pela empresa Azevedo & Travassos que teria passado por dificuldades financeiras. Uma delas, a estação Jardim Planalto chegou a ter sua entrega incluída na inauguração de outras quatro estações em abril de 2018, mas os trabalhos pararam poucas semanas antes da conclusão.

Em dezembro, o governo do estado lançou a licitação para completar as obras remanescentes e também os serviços de complementação de ciclovias e adequação do sistema viário de toda a linha. Em fevereiro, a empresa STER Engenharia foi declarada vencedora da licitação e deve iniciar os trabalhos nas próximas semanas, segundo a promessa do governador.

No vídeo, o secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, também confirmou que a ordem de serviço para a construção da estação Jardim Colonial, 11ª parada da Linha 15, será dada em breve também – nesse caso, a vencedora foi a construtora Somague que deve entregá-la em 2021.

Jardim Planalto é a mais adiantada das estações em obras (Reprodução/Consulgal)

About the author

Ricardo Meier

É um entusiasta do assunto mobilidade e sobretudo do impacto positivo que o transporte sobre trilhos pode promover nas grandes cidades brasileiras. Também escreve nos sites Airway (aviação) e AUTOO (automóveis).

8 Comentários

Click here to post a comment
  • Alguma novidade sobre a Linha Bronze?

    Vai ser em monotrilho ou os retardados do Baldy e do “Gestor” vão enfiar o BRT goela abaixo mesmo?

    • Voce deveria ter um minimo de educaçao e respeito aqui. Seu comentario CRIMINOSO vai ser repassado as autoridades referidas para as devidas providencias legais na esfera CRIMINAL e CIVEL !! me aguarde e va contratando um bom advogado !!!

  • Cada uma q existe, muito ..mas muito estranho.
    Um cara perguntou: Se vai ser em monotrilho ou retardados (??????) do baldy e do gestor ( ????????) vao enfiar brt ( ?????? ) Faça um favor colega….. sua linguagem é por D + muitissimo atrapalhada e só vc consegue entender. ka..ka..ka..ka.. NAO FAZ QUALKER SENTIDO ….

    • Se vc estivesse por dentro das notícias iria entender muito bem o que eu perguntei. E sabe muito bem quem é o “Gestor” a que me refiro.

      E antes de vir aqui dar uma de professor Pasquale, saiba que a palavra qualquer é com Q e não com K.

  • Ricardo, me parece que a Estação Jardim Planalto tem pouco mais de 10 dias de trabalho para ser concluída.

    Sapopemba, Fazenda da Juta teriam 45 dias de trabalho para serem concluídas.

    A mais atrasada mesmo seria São Mateus.

    Será que o GESP vai segurar essas três primeiras estações até dezembro ou você acredita que possam ser entregues antes?

    O que você acha?

    • Oi Luiz, tudo bem? Então, esse prazo mais curto funcionaria com a antiga construtora que já estava a par do fluxo de trabalho. A nova empreiteira levará mais tempo porque precisará fazer todos os trâmites antes de retomar a obra. Mas pode até ser possível adiantar se realmente essa previsão for confiável.

Posts mais compartilhados

Airway