Linha 1-Azul do Metrô ficará fechada até às 14 horas no domingo, 27 de fevereiro

Companhia vai ampliar horário de testes com sistema CBTC no ramal. Serviço Paese será disponibilizado aos passageiros nesse período, segundo informações divulgadas nas estações
Linha 1-Azul (GESP)

O Metrô de São Paulo voltará a interromper a operação da Linha 1-Azul no próximo domingo, dia 27 de fevereiro. Desta vez, no entanto, o ramal ficará fechado até às 14 horas, segundo uma placa flagrada pelo site em uma das estações.

O motivo da suspensão do serviço entre 4h40 e 14 horas é o mesmo dos dois domingos anteriores, testes com o sistema de sinalização CBTC, e que estão na reta final antes de serem adotados na operação regular.

A expectativa é que a Linha 1-Azul passe a contar com o novo sistema de controle de trens em março. Mas para atingir esse objetivo, é preciso realizar simulações de operação com o CBTC semelhantes às de horários movimentados, a fim de detectar possíveis falhas ou problemas.

O trabalho está a cargo da empresa Alstom, que implantou o sistema na Linha 2-Verde e que também fará o mesmo na Linha 3-Vermelha. Atualmente, a Linha 1 opera com o sistema ATC, de blocos, que é menos eficiente e preciso que o CBTC.

Operação normal nos demais dias

Segundo nota enviada pelo Metrô há pouco, a operação durante o feriado de Carnaval nas quatro linhas sob responsabilidade da empresa será normal, com exceção da parada da Linha 1 no domingo.

“O Metrô, como de hábito, vai monitorar atentamente a circulação de passageiros durante os dias de Carnaval, entre o sábado, dia 26, e a quarta-feira, 2 de março, e, se necessário, injetar mais trens que o previsto em programação para atender as pessoas que se deslocarão aos terminais rodoviários do Tietê, Jabaquara e Barra Funda ou mesmo em passeios pela capital. Para aumentar com rapidez a oferta de viagens, o Metrô deixará trens em condições operacionais nos pátios Jabaquara (Linha 1- Azul), Tamanduateí (Linha 2- Verde), Itaquera (Linha 3- Vermelha) e 15- Prata (Oratório)”, diz o comunicado.

Placa avisando sobre a interdição na Linha 1 (Jean Carlos)
Total
61
Shares
Previous Post

Atrasada, obra da estação Varginha fica R$ 3 milhões mais cara

Next Post

Procedimento arbitral de indenização pelo fim da Linha 18-Bronze tem novos capítulos

Related Posts