Novos vídeos mostram evolução das obras das estações Brasilândia e Vila Cardoso

Com 15,3 km e 15 estações, Linha 6-Laranja deve ser entregue entre fim de 2025 e começo de 2026 e será operada pela LinhaUni
Estação Brasilândia (LinhaUni)

O canal de vídeos parceiro do site, iTechdrones, postou em suas redes novos vídeos das duas últimas estações do lado norte da Linha 6-Laranja: Vila Cardoso e Brasilândia.

Vila Cardoso: a estação será vizinha ao Hospital da Brasilândia, onde haverá um terminal de ônibus anexo. O método de construção desta estação é o VCA invertido, que consiste em concretar as paredes da vala e então fechar o conjunto com uma laje na supefície. Na sequência é feita a escavação e finalização das lajes subsequentes.

Siga o MetrôCPTM nas redes: Facebook | LinkedIn | Youtube | Instagram | Twitter

Atualmente, de acordo com a concessionária LinhaUni, a obra está 22,21% concluída. O vídeo mostra também a obra do VSE Saldanha de Oliveira, que fica entre Vila Cardoso e Brasilândia.

Brasilândia: assim como Vila Cardoso, o método de construção também de VCA invertido. Esta é a última estação da Linha 6 do lado norte. Será nela que Tatuzão Norte encerrará sua escavação, mas não há uma previsão clara sobre quando isso ocorrerá.

Atualmente, as obras estão 43,46% concluídas.

 

 

Total
0
Shares
Previous Post

Na sequência da Linha 22, Metrô lança nova licitação para a Linha 16-Violeta

Next Post
Plataforma do Expresso Aeroporto na estação Luz (Jean Carlos)

Ampliação da plataforma do Expresso Aeroporto em Luz deverá ser entregue no fim de julho

Related Posts