Assim como CPTM, Metrô também desiste de música ambiente em trens e estações

Tentativa de criar um clima mais agradável para os passageiros foi alvo de críticas de parte dos usuários
Patio Jabaquara | Trens vão deixar de contar com músicas ambientes | Foto: Renato Lobo – Via Trolebus

Projeto polêmico e que dividia opiniões, o da ambientação de trens com músicas será descontinuado pelo Metrô. A playlist começou a tocar nas composições desde julho de 2018, e agora está sendo aos poucos retirada das frotas operacionais das linhas 1-Azul, 2-Verde e 3-Vermelha.

Segundo o portal G1, a companhia afirmou em nota que o projeto era experimental e será descontinuado por não ser viável.

Em reuniões com usuários e blogueiros que cobrem o setor, funcionários da empresa chegaram a afirmar que existiam pesquisas que mostravam que grande parte dos passageiros apoiava a ideia. No entanto, os dados não foram divulgados, e o que sobravam eram reclamações nas redes sociais, muitas delas pelo alto som das faixas.

CPTM testou duas vezes sem sucesso

Não foi a primeira vez que o sistema metroferroviário contou com músicas. Em pelo menos duas vezes a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos – CPTM testou as faixas.

No início dos anos 2000, o Expresso Leste da Linha 11-Coral contava com música ambiente nos trens. Mais tarde, em 2006, as estações das então chamadas linhas A e D, hoje 7-Rubi e 10-Turquesa respectivamente, contaram com as faixas. Na ocasião, eram transmitidos sons de emissora FM, sintonizada no Centro de Controle Operacional (CCO) da Luz.

Também a Linha 9-Esmeralda teve seu período musical com direito a compositores clássicos. Na época, os operadores de trens eram questionados pelos passageiros se não era possível mudar o gênero para algo menos sonolento.

Em nenhum dos casos o projeto prosperou. Em conversas com dirigentes das empresas, um deles contou ao blog que foi grande o número de reclamações por conta das faixas, e a CPTM tratou de cancelar o projeto sem maiores explicações.

Total
8
Shares
1 comment
  1. Opinião minha, eu acho que quem quer escutar musica, escuta em seu celular, porque para mim essas musicas só davam sono, o que ainda esperta um pouco são os vendedores ambulantes, e alguns musicos que aparece as vezes nas composições.

Comments are closed.

Previous Post

Governo propõe passarela gigante para levar passageiros da Linha 13 ao Aeroporto de Guarulhos

Next Post

Consórcio Vem ABC diz que está preparado para início das obras da Linha 18

Related Posts