CPTM investirá R$ 14 milhões para a troca de pisos em Guaianases e Brás

Pisos de borracha deverão ser removidos e substituídos por material feito de granito. A previsão é de que as obras sejam concluídas dentro de 12 meses
CPTM vai trocar piso das estações movimentadas (Jean Carlos)

A CPTM formalizou na última quarta-feira (25) dois contratos para a realização da troca de pisos duas estações da Linha 11-Coral. As paradas Brás e Guaianases, duas das mais movimentadas paradas ferroviárias da CPTM, serão beneficiadas com as melhorias.

A troca de piso das estações tem como base uma série de fatores que vão desde a revitalização do ambiente, aumento da segurança operacional, passando pela diminuição dos custos com a manutenção.

Atualmente, o piso de ambas as estações é composto por borracha, o chamado plurigoma. Apesar de cumprir sua função de forma satisfatória, a ação do tempo deteriora o material, chegando a descolar do contrapiso em algumas situações.

Piso de borracha na estação Brás (Jean Carlos)

Os novos pisos serão compostos por granito, material que garante menor incidência de manutenção e possui maior aderência. As empresas contratadas também deverão realizar serviços como a instalação de novas rotas táteis e o remanejamento de interferências.

Os contratos das estações Guaianases e Brás foram fechados com a Épura Engenharia e Construções Ltda. O contrato da troca de pisos da estação Guaianases foi orçado em 4,4 milhões enquanto o da estação Brás, com maior área de implantação, foi fechado em R$ 9,9 milhões. Os contratos tem duração de 12 meses, com previsão de termino em meados de Maio de 2023.

Piso de borracha na estação Guaianases (Jean Carlos)

A troca dos pisos das principais estações representam, a longo prazo, ganhos significativos para a segurança e manutenção dos ambientes. As novas estações que foram construídas pela CPTM, como João Dias e Mendes Vila Natal já adotam a nova concepção, enquanto estações de grande porte parecem se adequar poucos serão adequadas ao novo modelo.

Total
4
Shares
4 comments
  1. Seria bem interessante o site fazer um levantamento de quais estações ainda tem o piso de plurigoma, esse material é altamente inflamável e tóxico.

    1. É óbvio que esta rolando kkk, olha os altos valores, nunca que seria tanto para troca de um piso

  2. Poderia usar parte do dinheiro e colocar umas escadas rolantes…. Guaianases é a única estação que eu conheço que não tem essa m…seri muito bom um pouco de dignidade com os munícipe e usuários, que pagam para usar a estação mais movimentado da linha coral, se não da zona leste, perdendo só para, talvez, a Sé.
    Talvez se a mãe ou avós deles, ou alguma pessoa PDF da família usasse a estação, pensariam melhor.

Comments are closed.

Previous Post

People Mover de Guarulhos finalmente começa a sair do papel

Next Post

Prefeitura concede licença para vias da Linha 15-Prata em trecho da Ragueb Chohfi

Related Posts