CPTM prorroga contrato sinalização no trecho Grajaú-Varginha

O terceiro aditamento firmado com a empresa Alstom adicionou mais quatro meses ao prazo original de um ano para execução do serviço, que já havia sido ampliado em mais oito meses em 2020
Novo sinaleiro do pátio de Grajaú (Jean Carlos/SP Sobre Trilhos)

As obras de expansão da Linha 9-Esmeralda encontram-se em ritmos variados. A extensão dos serviços contemplará duas novas estações: Mendes-Vila Natal, que está em fase avançada de suas obras e pode ser entregue ao público em agosto, e Varginha, no extremo sul da cidade de São Paulo, e que continua a mostrar um tímido avanço.

Um dos pontos fundamentais para viabilizar a operação da nova extensão é a conclusão do sistema de sinalização, sob responsabilidade da empresa Alstom.

Estação Mendes-Vila Natal em fase avançada de obras (iTechdrones)

A empresa venceu a licitação para fornecer materiais e equipamentos para adequar os sistemas de controle de tráfego e do Controle Centralizado do novo trecho em 2017 por R$ 42 milhões.

Recentemente, a CPTM assinou o terceiro termo de aditamento contratual com a empresa francesa que tem como principal objetivo a prorrogação do prazo de conclusão dos serviços em mais quatro meses, totalizando 24 meses de obras, 12 a mais que a previsão original.

A companhia, no entanto, não incluiu nos aditivos uma data-limite para conclusão dos serviços, apenas uma planilha citando as fases durantes os 24 meses de prazo.

Com esse acréscimo ocorreram alterações no cronograma físico-financeiro do contrato, entretanto, não há alterações dos valores, tratando-se apenas um aditamento que visa maior flexibilidade para o encerramento adequado dos serviços.

Os principais serviços que já foram concluídos pela Alstom se referem às adequações no software do Sistema de Controle Centralizado (SSC) para a integração de dois novos domínios na Linha 9, o Domínio Varginha e o novo Domínio Grajaú, que passou por remodelações.

Feitas as adequações necessárias na primeira etapa, a Alstom realizou testes do software definitivo para os novos domínios de Grajaú e Varginha. Neste momento, o foco da empresa será na realização de testes isolados de todos os componentes do SCT Grajaú que sofreram alterações, testes operacionais do trecho Grajaú-Varginha, além dos testes do sistema de Operação Automática de Trens (ATO)

Remodelação no pátio de Grajaú (Jean Carlos/SP Sobre Trilhos)

Além disso, há também a realização de treinamentos para os funcionários acerca das novas funções e áreas adicionadas ao software de controle de tráfego, tanto para o novo domínio de Grajaú quanto para o Domínio Varginha. Esses treinamentos possivelmente serão fornecidos para os funcionários da ViaMobilidade Linhas 8 e 9 como parte da etapa de treinamentos da Fase Pré-Operacional da concessão das linhas 8-Diamante e 9-Esmeralda

Todos esses passos são importantes para que o trecho possa ser liberado para a operação o mais brevemente possível com total segurança.

Total
31
Shares
3 comments
  1. Eu só não entendi qual é o sistema de sinalização do trecho, é o CBTC? Eu acho que a ViaMobilidade deveria instalar o CBTC nas linhas 8 e 9

Comments are closed.

Previous Post

Expresso Aeroporto retornará na terça-feira, 20, diz CPTM

Next Post

LinhaUni ganha aval federal para obter R$ 1,2 bilhão em financiamento para a Linha 6-Laranja

Related Posts