Destaques

Governo do estado estuda reajustar tarifa de trens da CPTM e Metrô em janeiro

Reportagem da TV Globo revelou novo valor de R$ 4,25, que significa um aumento de 6,25%. Prefeitura de São Paulo deve seguir mesmo índice nos ônibus
Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

O Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria dos Transportes Metropolitanos confirmou que estuda o aumento na passagem de trens da CPTM e do Metrô para o próximo mês de janeiro. A pasta, no entanto, não confirma o novo valor que será cobrado nos validadores das estações.

Já uma reportagem nesta manhã de terça-feira, 18 de dezembro, do jornal Bom dia São Paulo dá como certo o aumento, inclusive com valor definido. O novo preço da passagem, tanto nos transportes sobre trilhos, quanto nos ônibus da SPTrans, ficaria em R$ 4,25, e que passaria a valer no dia 6 de janeiro de 2019.

A Secretaria informou ao portal Via Trolebus que os valores poderão ser definidos em janeiro: “A Secretaria de Estado dos Transportes Metropolitanos (STM) informa que estuda algumas possibilidades sobre a questão de reajuste de tarifa. No entanto, historicamente, a definição sobre o assunto ocorre em janeiro de cada ano”.

Se os valores foram os mesmos apresentados pela reportagem do telejornal, significará um aumento de 6,25%, bem cima do índice de inflação da Fipe, que neste ano foi de 3,63%.  Já se o aumento seguir o índice, o valor da passagem seria de R$ 4,14. O argumento apresentado no telejornal é que o aumento de 25 centavos facilitaria o troco nas bilheterias – em anos anteriores houve falta de moedas por conta da tarifa com valores “quebrados”.

Relembre: Tarifa do Metrô e CPTM deve subir para R$ 4,00 em janeiro

Leia no Lulica
Insônia, aumento de apetite, problemas de visão 29/9/2020

Airway