Metrô de Salvador encerra atividades mais cedo devido à toque de recolher

Medida decretada pelo governo do estado, deve durar ao menos uma semana e visa controlar a propagação do coronavírus
Trem do Metrô de Salvador: 370 mil passageiros por dia cinco anos após inauguração (CCR Bahia)

O Governo da Bahia adota a partir desta sexta-feira, 19, um toque de recolher em quase todo o estado proibindo o trânsito de pessoas nas ruas das 22h às 5h. A medida, que visa reduzir a propagação do coronavírus, valerá por uma semana, podendo ser prorrogada.

De acordo com o decreto, os estabelecimentos comerciais e de serviços deverão encerrar as atividades até às 22h30. Estabelecimentos comerciais como shoppings, bares e restaurantes, além de postos de gasolina que vendem bebidas alcoólicas, deverão estar fechados e vazios às 22h.

A medida também afeta o metrô de Salvador, que terá que encerrar suas atividades mais cedo durante os dias que vigorará o toque de recolher.

A CCR Metrô Bahia, que opera o sistema, anunciou que vai encerrar a operação às 21h40. A mudança de horário visa facilitar a integração com os ônibus e garantir o deslocamento de seus passageiros. Até o dia 25, validade inicial do decreto, o metrô seguirá funcionando das 5h às 22h30, em todos os dias da semana.

Atualmente o metrô de Salvador conta com dois ramais. A Linha 1 liga a estação Lapa a estação Águas Claras/Cajazeiras e a Linha 2, a estação Acesso Norte a estação Aeroporto. Há conexão entre ambas na estação Acesso Norte.

Total
1
Shares
Previous Post

Número de passageiros em janeiro no Metrô mostra leve melhora

Next Post

Licitação das estações Jacu Pêssego e Boa Esperança da Linha 15 é adiada

Related Posts