Destaques Linha 5

Metrô fala em antecipar prazo de instalação das portas de plataforma na Linha 5-Lilás

Equipamentos de AACD Servidor começaram a receber vidros; companhia tenta antecipar instalação, segundo seu presidente
Estação AACD Servidor recebe as portas de plataforma. Foto: Richard Mendelsohn

Inaugurada em 31 de agosto de 2018, a estação AACD Servidor, da Linha 5-Lilás, está recebendo portas de plataforma. Nesta semana estão sendo instalados os vidros nos equipamentos.

A presença das divisórias deveria já constar nas plataformas desde que a parada foi entregue, junto com as demais. No entanto, das 16 estações em funcionamento, apenas em uma as portas funcionam, Adolfo Pinheiro. Em Brooklin e Santa Cruz já constam os equipamentos. Na primeira, a previsão é que as portas funcionariam ainda neste mês de março.

Os bloqueios de vidro oferecem maior segurança aos usuários, além de ajudar na organização do embarque e desembarque, assim como ocorre nas Linhas 2-Verde, 4-Amarela e 15-Prata.

Todas as demais portas das paradas funcionariam até 2021. Mas de acordo com o presente do Metrô, Silvani Alves Pereira, o prazo de implantação é muito extenso. Então, os técnicos do Metrô estão se reunindo com as fornecedoras para tentar antecipar as entregas. A declaração foi feita durante uma visita às obras na estação Campo Belo, na qual o site MetrôCPTM esteve presente.

Os trabalhos estão a cargo da empresa Bombardier, que é também responsável pelo sistema de sinalização da linha. No entanto, a fabricante que também produz trens e aviões, não cumpriu os cronogramas iniciais e, por isso, foi multada em cerca de R$ 50 milhões.

Na época, o então secretário de transportes metropolitanos do Estado de São Paulo, Clodoaldo Pelissioni, chegou a afirmar que cancelaria contrato com a fabricante, caso o prazo não fosse cumprido.

Airway