Diversos acessos secundários de estações do Metrô foram fechados em março com o início da quarentena no Estado de São Paulo devido a pandemia do novo coronavírus. Funcionários de grupo de risco do Metrô, ViaQuatro e ViaMobilidade foram afastados de suas atividades. Com menos funcionários e menor movimento, esses acessos foram fechados em várias estações.

Agora, com a retomada gradual da economia, o movimento nas linhas começa a aumentar novamente e estes acessos necessitam ser reabertos para evitar aglomerações em uma única entrada/saída.

Nesta semana, a Secretaria dos Transportes Metropolitano informou que os acessos secundários já foram reabertos:

Linha 1 – Azul: Estação São Bento: acesso “Ladeira Porto Geral” e “São Bento”

Linha 2 – Verde: Estação Brigadeiro: acesso “Leste”

Linha 4 – Amarela (operada pela ViaQuatro): Estação Oscar Freire, Faria Lima e São Paulo-Morumbi (funcionamento de segunda a sexta-feira, exceto feriados, das 6h às 9h e das 16h às 19h)

Segundo o governo, outras estações devem ter seus acessos liberados nas próximas semanas.

Movimento em recuperação

Segundo dados apurados pelo site, o sistema sobre trilhos em São Paulo realizou 61,4 milhões de viagens em junho, considerando nesse dado múltiplas conexões dos usuários. Trata-se de uma demanda 64% menor do que a que existiu em junho de 2019, quando quase 170 milhões de embarques foram realizados. Ainda assim é cerca de 50% mais do que abril deste ano, o “fundo do poço”, com 42 milhões de viagens.