CPTM Destaques Linha 13

Serviço Connect terá horários ampliados a partir do dia 2 de abril

Após completar um ano em operação, Linha 13-Jade quase dobrará número de partidas entre Guarulhos e a estação Brás
Estação Aeroporto Guarulhos: viagem expressas devem facilitar chegada ao aeroporto, mas serviço poderia ser mais eficiente

Neste domingo, 31 de março, a Linha 13-Jade completará um ano de sua inauguração. O ramal é o primeiro construído e operado pela CPTM desde sua fundação e também marcou o acesso do município de Guarulhos à rede metroferroviária. No entanto, passado esse tempo o serviço ainda funciona de maneira precária, com intervalos altos e movimentando bem menos passageiros do que poderia. Mas ao menos a partir do dia 2 de abril os usuários da linha poderão desfrutar de mais horários do serviço Connect, que vai da estação Aeroporto Guarulhos até a estação Brás.

A CPTM anunciou nesta sexta-feira que ampliará as partidas na próxima terça-feira. Serão 21 horários nos dois sentidos contra 12 atualmente (veja tabela abaixo).  No sentido Guarulhos serão dois horários pela manhã (5h45 e 8h25) e mais dois à tarde e à noite (17h25 e 20h05) enquanto no sentido Brás serão disponibilizados mais cinco horários – 5h40, 8h20, 17h20, 20h e meia-noite.

Com mais opções de conexões, a estação Brás facilita o deslocamento dos passageiros que podem dispensar a troca de trens em Engenheiro Goulart e acessar a movimentada Linha 12-Safira. Mas o Connect ainda terá mais novidades, desta vez aos fins de semana. Serão cinco partidas a mais no sábado e a primeira ao domingo, à meia-noite.

A importância do serviço Connect pode ser medida pelo movimento que já atraiu: dos 13 mil passageiros diários da Linha 13 nada menos que 9 mil utilizam os trens até o Brás. Com os novos horários certamente o movimento crescerá mas ainda distante da capacidade do ramal, de 120 mil passageiros por dia. Para que isso ocorra será preciso avançar com o sistema de sinalização e também passar a receber os trens da Série 2500, que estão fabricados exclusivamente para a linha e que devem começar a chegar ao Brasil nos próximos meses.

No entanto, fica claro que a Linha 13 só terá uma função realmente útil se puder compartilhar as vias com a Linha 12-Safira. Para que isso ocorra bastaria que a CPTM aprimorasse a sinalização das vias para reduzir os intervalos entre os trens, hoje bastante altos. E que transformasse as duas linhas em serviços integrados com destinos diferentes, algo que qualquer metrô no mundo faz naturalmente.

Serviço Connect (Brás – Aeroporto)

Segunda a sexta-feira
5h45 6h25 7h05 7h45 8h25 17h25 18h05 18h45 19h25 20h05
Sábados
5h45 6h25 7h05 7h45 8h25          

Serviço Connect  (Aeroporto – Brás)

 

Segunda a sexta-feira  
5h40 6h20 7h 7h40 8h20 17h20 18h 18h40 19h20 20h 0h00
Sábados                                                                                       Domingo  
5h40 6h20 7h00 7h40 8h20 0h00   0h00      
                     

About the author

Ricardo Meier

É um entusiasta do assunto mobilidade e sobretudo do impacto positivo que o transporte sobre trilhos pode promover nas grandes cidades brasileiras. Também escreve nos sites Airway (aviação) e AUTOO (automóveis).

2 Comentários

Click here to post a comment
  • Esse horário da meia noite não adianta de nada. Quando você chega ao Brás as linhas já não atendem mais. Outro dia peguei o trem as 11 da noite, desci na Engenheiro Goulart e só consegui pegar um trem para o Brás 10 para meia noite. Resultado, quando cheguei na República a linha amarela já havia fechado. E peguei o último metrô para a Barra Funda onde precisei pegar um táxi.
    A linha do aeroporto deveria ir no mínimo até o Tatuapé onde o passageiro já teria acesso ao metrô. E a ligação entre o trem e o metrô na Tatuapé deveria ser durante todo o funcionamento das linhas, igual a Barra Funda. Já aconteceu de eu chegar no Tatuapé em um sábado de manhã e ter que sair do metrô e pagar nova passagem para entrar no trem porque o portão separando as duas estações estava fechado.

Airway