CPTM Destaques Linha 7

Alegando falta de dinheiro, CPTM suspende obras da estação Francisco Morato

Construção da nova estação da Linha 7-Rubi deve ficar paralisada por cerca de 120 dias, segundo nota do governo do estado
Obras na estação Francisco Morato

Nota atualizada em 20/03/2012 com resposta da CPTM sobre a paralisação.

Obra que há anos passa por incertezas, a nova estação de Francisco Morato teve seus trabalhos suspensos novamente. Segundo revelou o site Diário da CPTM, a construtora responsável pela obra da Linha 7-Rubi, desmobilizou o canteiro na última sexta-feira (15), mantendo apenas atividades necessárias para manter o local em condições de receber os equipamentos e pessoal.

Em nota enviada ao site, o governo do estado justificou a medida por conta da receita frustrada, baseada numa estimativa exagerada pela gestão de Márcio França. Por essa razão, o governo de João Doria diz ter precisado fazer um contingenciamento de R$ 10 bilhões que incluiu a suspensão da obra.

Nesta quarta-feira, a CPTM enviou nota ao site revelando ter obtido condições de financiar a construção: “A Secretaria de Transportes Metropolitanos conseguiu recursos necessários para zerar o débito da obra da estação Francisco Morato da CPTM e determinou a sua retomada“.

Novela sem fim

A estação Francisco Morato é uma das mais movimentadas da Linha 7-Rubi e ponto de conexão entre os trens que seguem e retornam para Jundiaí. A atual construção, precária, deveria ter sido substituída por um prédio maior e mais moderno há tempos, mas a falta de recursos e a desistência do primeiro consórcio em 2015 obrigaram a relicitá-la.

A nova licitação foi vencida pelo consórcio Telar-Spavias que começou os trabalhos há um ano e deveria entregá-la no final de 2020. Enquanto isso, seus mais 30 mil passageiros que passam diariamente por ela terão de conviver por muito tempo ainda com uma estrutura provisória.

About the author

Ricardo Meier

É um entusiasta do assunto mobilidade e sobretudo do impacto positivo que o transporte sobre trilhos pode promover nas grandes cidades brasileiras. Também escreve nos sites Airway (aviação) e AUTOO (automóveis).

Airway