CPTM abre licitação para a compra de dois novos veículos para a manutenção das vias

Companhia irá adquirir um veículo para reperfilamento de trilhos e composição de alta capacidade para reparo da via permanente
Novos equipamentos deverão ser adquiridos pela CPTM (Jean Carlos)

A CPTM publicou na última sexta-feira (22) duas licitações para a compra de novos veículos de manutenção de via permanente: o veículo reperfilador de trilhos (VRT) e a composição de alta capacidade para manutenção de via permanente (CMVP).

O VRT é um veículo exclusivamente ferroviário e bidirecional que será destinado às atividades de reperfilamento dos trilhos na via permanente. 

O procedimento de reperfilamento tem como principal objetivo a restauração do boleto, que é a parte superior do trilho, em suas características transversais e longitudinais, eliminando as imperfeições e defeitos como desgastes, corrugações, microtrincas, etc.

O VRT deverá ter a capacidade de reperfilar até dois trilhos ao mesmo tempo através de um sistema computadorizado que permite a operação automática ou semiautomática. O equipamento também deverá contar com sistemas especiais para o recolhimento dos resíduos de trilho e dos equipamentos de corte.

Desempenho do trem reperfilador (CPTM)

A CMVP por sua vez é uma composição formada por dois veículos ferroviários, sendo eles o Caminhão de Linha de Alta Capacidade (CLA) e o Vagão Reboque com Guindaste (VRG).

O CLA é um veículo autopropelido que possui um guindaste telescópico com capacidade de 52 toneladas por metro. Deverá ter a capacidade para transportar pelo menos 14 funcionários, sendo destinado ao apoio da manutenção da via permanente e para a tração de composições de apoio em situações de emergência.

Características do CLA (CPTM)

O VRG é um vagão que também é equipado com um guindaste dotado de cesto para trabalhos “em negativo”. Neste caso, o equipamento poderá realizar deslocamentos abaixo da base do VRG sendo utilizado principalmente para a realização da inspeção de viadutos e elevados.

Características do VRG (CPTM)

Segundo o edital de licitação as empresas contratadas deverão realizar o projeto, fabricação e montagem do equipamento. Está incluído no escopo do contrato o fornecimento da garantia assistida e também o fornecimento de insumos.

O fornecimento da Composição de Manutenção de Via Permanente está programada para 30 meses, enquanto para o Veículo Reperfilador de Trilhos o prazo está estimado em 32 meses.

Total
1
Shares
Previous Post

CPTM vai investir R$ 421 mil para a compra de câmeras corporais

Next Post

Trem Intercidades: Prorrogação da concessão da MRS será assinada nesta sexta-feira, 29

Related Posts