Metrô posterga licitações que estavam marcadas em dias de jogos do Brasil na Copa

Sessões públicas de entrega de propostas para os projetos da Linha 16-Violeta e da extensão da Linha 2-Verde até Cerro Corá foram adiadas para 14 de dezembro
Perspectiva da estação Cerro Corá com as plataformas da Linha 2 e 20
Perspectiva da estação Cerro Corá com as plataformas da Linha 2 e 20 (CMSP)

O Metrô de São Paulo decidiu adiar as sessões públicas de entregas de propostas de duas licitações que envolvem a expansão de suas linhas. A concorrência para escolher a empresa ou consórcio que fará o anteprojeto de engenharia, o projeto básico e o estudo ambiental da Linha 16-Violeta, e também o edital para extensão da Linha 2-Verde até Cerro Corá tiveram as datas remarcadas para 14 de dezembro, às 11h30 e 15h00, respectivamente.

A licitação da Linha 16-Violeta, que ligará a estação Oscar Freire à Cidade Tiradentes, tinha a sessão pública marcada para esta quinta-feira, 24 de novembro, data de estreia da seleção brasileira  de futebol na Copa do Mundo do Catar, em jogo contra a Sérvia.

Já o edital da extensão operacional da Linha 2-Verde na Zona Oeste, que inclui a estação Cerro Corá, deveria ocorrer na segunda-feira, 28 de novembro, quando o time do técnico Tite enfrentará a Suíça pela fase de grupos do torneio da Fifa.

A companhia não explicou o motivo do adiamento, embora as datas originais pudessem gerar problemas de comparecimento já que muitas empresas darão folga aos funcionários para acompanharem os jogos do Brasil.

O traçado da Linha 16: esticada até Cidade Tiradentes (CMSP)

Os dois projetos foram lançados em setembro quando o atual governador do estado, Rodrigo Garcia, ainda concorria à reeleição. O tucano, no entanto, foi apenas o 3º colocado no 1º turno enquanto o candidato do partido Republicanos, Tarcísio Freitas, acabou eleito no 2º turno, realizado no dia 30 de outubro.

Embora estejam ainda numa fase inicial, ambos os empreendimentos são bastante importantes para a rede metroferroviária. A Linha 16-Violeta pode aliviar a demanda não apenas da Linha 3-Vermelha como também da Linha 15-Prata. Já a estação Cerro Corá terá a função de conectar a Linha 2-Verde à futura Linha 20-Rosa, que está sendo desenvolvida no momento. Qualquer decisão sobre obras civis ou concessão, no entanto, caberá ao novo governador, que assumirá em janeiro.

Sobre a nova data das sessões, 14 de dezembro, corre-se o risco de coincidir com um jogo da seleção brasileira caso ela termine em 2º lugar no grupo G e avance até as semifinais da Copa.

 

Total
0
Shares
Previous Post

Linha 5-Lilás tem quatro trens fora de serviço há quase seis anos

Next Post

ViaMobilidade se recusa a assinar termo de compromisso proposto pelo Ministério Público

Related Posts