Rodrigo Garcia volta atrás e agora diz que Linha 17-Ouro chegará à Paraisópolis

Segundo governador, Metrô está revisando o projeto para propor novo traçado na região do Morumbi
Trecho da Linha 17 na região do Morumbi está atualmente suspenso (Borelli & Merigo Arquitetura)

O governador Rodrigo Garcia (PSDB) negou que a Linha 17-Ouro, de monotrilho, deixará de chegar até a Favela de Paraisópolis, como havia dito anteriormente. Em nova entrevista, desta vez para +Favela TV, programa realizado na comunidade, o sucessor de João Doria afirmou que “o monotrilho chega, com um traçado que nós decidiremos juntos“, se referindo ao apresentador Gilson Rodrigues.

No começo de maio, Garcia participou do podcast “Cortes do Inteligência”, do apresentador Rogério Vilela, em que disse que “não vale mais a pena subir com o monotrilho até Paraisópolis e parar no Morumbi”, embora sem explicar as razões que levaram o governo a mudar de ideia já que declarações anteriores confirmavam a intenção de retomar sua implantação nos trechos suspensos.

Desta vez, no entanto, o governador do estado, que concorre à reeleição em outubro, afirmou que o Metrô está revisando o traçado da Fase 3 da Linha 17, que compreende cinco estações e vai da Marginal Pinheiros até a estação São Paulo-Morumbi, onde se conectará à Linha 4-Amarela.

Nós temos várias pessoas que já estão estudando o desenho original do monotrilho para a gente vir fazer o anúncio concreto, ‘Olha, esse monotrilho, com esse traçado, que atenda Paraisópolis, que atenda Morumbi, o governo vai assumir o compromisso’“, disse Garcia.

A fase suspensa que um dia atravessará o Rio Pinheiros

Ainda segundo ele, o traçado original resultou em vários problemas, embora não tenha revelado quais. Apesar disso, é de amplo conhecimento as polêmicas causadas pela Linha 17 na região, que possui uma das piores condições de mobilidade da capital.

O projeto do monotrilho foi alvo de reclamações de moradores, que não queriam as vias elevadas cortando as avenidas dos bairros, de moradores que tiveram suas casas desapropriadas, e de pessoas indignadas com a utilização de uma faixa lateral do Cemitério do Morumbi.

Além disso, um trecho da Avenida Jules Rimet, ao lado do Estádio do Morumbi, que seria desapropriado para abrir caminho para as vias do monotrilho acabou ocupado por um edifício residencial, apesar do conhecimento de que o Metrô usaria a área no futuro.

A Linha 17-Ouro começou a ser construída em abril de 2012 com a promessa eleitoreira de ser concluída em 2014, prazo absurdo até para padrões chineses. No fim, apenas o trecho prioritário, com oito estações, está sendo implantado, ligando o Aeroporto de Congonhas à Marginal Pinheiros. A Fase 2, que levará o monotrilho até o Jabaquara, também está suspensa, à espera da solução da Prefeitura para retirar centenas de moradores do eixo onde o ramal passará no futuro.

 

Total
1
Shares
15 comments
  1. Bateu o desespero! Pra faturar a reeleição, ele vai afirmar que a linha 17 chegará em Marte!

  2. Eu tô falando que este tal Rodrigo Garcia é um professor Pardal todo perdido 🙄… Burro quem votar nele e querer dar mais 4 anos pra essa tucanada, PSDB JÁ ERA!!!!!!!!

  3. kkkkkk

    bem fácil dizer que vai chegar. Não é ele quem vai fazer

    A declaração anterior também me pareceu mais sincera

  4. A declaração anterior é a verdadeira. Vide o que fizeram com a linha 18 após a eleição de joão doria…

  5. Esse Rodrigo Garcia está mais perdido que cego na 25 de março. Nem deve saber o que é um monotrilho!

    Como pode ainda querer se reeleger. Fora PSDB!

  6. Se é que de fato o projeto esteja sendo revisado, eu já aproveitava e estudava uma extensão até a Raposo Tavares já pensando numa futura conexão com a Linha 22

  7. Lucas, infelizmente as chances do monotrilho da Raposo ter o mesmo desfecho da linha 18 são grandes. Na hora em que o projeto tomar corpo, o lobby do transporte intermunicipal irá intervir pra inviabilizar o projeto, que nem fizeram no ABC. Até porque se o monotrilho (ou o metrô) entrar, os ônibus intermunicipais daquela região perderão totalmente o sentido.

    1. Quando chega as eleições voltam atrás até no que ja tinham confirmado kkkk, não haverá esses elefantes brancos até o jabaquara e Paraisópolis, já basta esse que esta em execução que não ajudará em nada. Assim como o prolongamento da Roberto Marinho que era um projeto visando somento o transporte individual ( carros) e causando grande desapropriação de moradores não só das favelas como os que vivem fora dela.

      1. Como assim a extensão da Roberto Marinho visa “somente” carros, sendo que o projeto da avenida é justamente para receber transporte sobre trilhos de alta capacidade? Além do mais, se seguir o padrão, deve ser contemplada uma ciclovia no trecho?

  8. acharia muito mais útil fazer a extensão no sentido jabaquara, já aproveitando e requalificando as moradias na extensão do córrego da agua espraiada

  9. É só estar próximo as eleições que esses pil**ntras já começam a inventar que os “projetos” parados ou cancelados, serão retomados.
    Linha 17 é promessa de anos, projeto interessante para atender a população carente, ai mudam os planos e as obras só atendem regiões que já são”servidas de transporte público”…A população de Paraisopolis que é a mais interessada e necessitada em receber o monotrilho,fica a mercê. Mudam o projeto durante os anos de mandato, ai qnd se aproxima de novas eleições é esta palhaçada de que estão revisando e atenderá sim a comunidade, e os best*s ainda caem na conversa e votam nesses picaretas. Desde quando promessa de político se cumpre? E para favorecer o pobre ainda? NUNCA NA VIDA.
    Estação Mendes Vila Natal está ai para provar isso, se arrastou por anos, e agora que esta pronta, só estão esperando chegar outubro, para colocar em funcionamento total pra ganhar voto! Todo mês promete que irá funcionar e NADA. Somos palhaços, disso que se chama política brasileira.

Comments are closed.

Previous Post

Estação Mendes-Vila Natal iniciará operação integral em 22 de junho

Next Post

Metrô, CPTM e SPUrbanismo firmam convênio para requalificar a região da estação Palmeiras-Barra Funda

Related Posts