Sistema de paineis eletrônicos multimídia avança na estação Palmeiras-Barra Funda

Novas telas estão sendo instaladas nas plataformas e mezanino da estação que atende as linhas 7-Rubi e 13-Jade. Investimento total nas melhorias é de R$ 8,25 milhões
Equipamentos na região de plataforma (Jean Carlos)
Equipamentos na região de plataforma (Jean Carlos)

A estação Palmeiras-Barra Funda da CPTM está ganhando um novo sistema de comunicação visual multimídia. Com o objetivo de melhorar a experiência do passageiro, novos equipamentos estão sendo instalados no grande hub ferroviário.

Siga o MetrôCPTM nas redes: WhatsApp | Facebook | LinkedIn | Youtube | Instagram | Twitter

O foco da nova comunicação é permitir um maior nível de interação e clareza dentro da estação. Para isso foram realizadas melhorias nas plataformas e no mezanino.

Na região das plataformas estão sendo instalados paineis eletrônicos que mostrarão informações em tempo real. Imagens institucionais, mapas e informativos poderão auxiliar os passageiros.

Na parte superior, perto das extremidades das plataformas, novas telas indicarão o destino dos trens, horários, além de integrações com serviços existentes.

Na região do mezanino mais equipamentos estão sendo instalados. Além dos próprios totens de informação, haverá paineis horizontais que substituirão as grandes placas que indicam a localização das plataformas e serviços existentes.

Essas mesmas testeiras também deverão auxiliar na localização das ruas, como pode ser visto nos paineis próximo a linha de bloqueios. A área de transferência entre linhas também estão sinalizada.

Totens retroiluminados indicam o número das plataformas, permitindo uma localização mais facilitada, já que estão mais próximas das escadas correspondentes. A construção desses totens permite tanto a visualização frontal como a lateral.

Benefícios

O sistema de comunicação visual multimídia não é apenas uma questão estética ou de luxo. Através de tecnologias como esta será possível trazer ao passageiro, em tempo real, mudanças operacionais importantes.

Exemplos que podem ser aplicados são a mudança dos serviços, que podem atender plataformas diferentes em determinados dias da semana. Informes em tempo real também podem ser fornecidos por meio do sistema.

Por outro lado, poderá haver a possibilidade de se auferir receitas não-tarifárias. Apesar de não haver definição sobre este tema, existe potencial elevado para publicidade nas estações.

Por fim, a dispensa de adesivos e papeis é outro ponto de bastante importância. Os mapas da rede sobre trilhos, que sofrem constantes revisões, poderão agora ser atualizados de forma instantânea, eliminando a defasagem existente em relação aos últimos mapas produzidos.

A empresa responsável pelo contrato é a Seal Telecom Comércio e Serviços de Telecomunicações LTDA. O investimento total nas melhorias é de R$ 8,25 milhões com prazo total de 15 meses. O contrato foi assinado em agosto de 2022.

Total
0
Shares
Antes de comentar, leia os termos de uso dos comentários, por favor
9 comments
  1. Bom dia, Jean.

    Me parece que nas plataformas da estação Brás da CPTM também estão instalando essas estruturas para apoiar telas de LED com mapas e informativos. Não sei se é bem isso, mas o formato é bem parecido.

    Uma dúvida: sabe como anda a extensão da Linha 11-Coral para a estação Palmeiras-Barra Funda?

    Valeu!

    1. Otima iniciativa!!! Parabens arodoviaria Barra Funda! Na minha opiniao deveriam ter mais escadas rolantes no embarque e desembarque!!!

  2. Essas placas informativas de LED me parece um desperdício de dinheiro. Gastar energia, manutenção do equipamento para um tipo de comunicação que pouco muda ao longo do tempo. A placa pintada seria muito mais apropriada no caso.

  3. Muito bom mas senti falta do mesmo na parte da linha 3, acho que todas as estações de integração deveriam ter esses painéis para orientação. Vai ter na parte da ViaMobilidade?

    1. ébem provavel qja que a viamobilidade nao gere a estação como um todo então, todas as plataformas da estaçao de trem, deve ganahr, co ma excessão do lado do metro na linha L3 vermelha

  4. Passei por lá e já vi os novos painéis. Achei bons e imaginei que esta modernização era para dar um clima de aeroporto a estação visto que agora ela tem uma conexão direta com o aeroporto de Guarulhos desde que a linha 13 Jade foi extendida até a Barra Funda.
    Porem uma obra que deveria ter sido feita é a ampliação das escadas que dão acesso as plataformas da linha 7 Rubi. São apenas 3 que não dão conta da demanda nos horários de pico. Quando chega dois trens em sentidos opostos ao mesmo tempo, ou quando dá problema na unica escada rolante como aconteceu a pouco tempo, o caos está instalado.

Comments are closed.

Previous Post

Linha 6-Laranja: vestígios de construção histórica são encontrados na Estação 14 Bis

Next Post
Funcionários da CPTM atuando na implantação da rede aérea (Jean Carlos)

Rede aérea está sendo reinstalada na região da estação Brás da Linha 12-Safira

Related Posts