Destaques Linha 5

Um ano depois, Linha 5-Lilás voltará a ser fechada no domingo para testes do sistema CBTC

Segundo Metrô, Bombardier fará aferição do sistema de sinalização e controle instalado no novo pátio Guido Caloi neste domingo, 26
Linha 5-Lilás: testes fecharão ramal no domingo

Cerca de um ano após encerrar os testes com o sistema de sinalização e controle CBTC, a Linha 5-Lilás voltará a ser fechada durante todo o domingo 26 de maio. A razão é um novo teste necessário para que a Bombardier, fornecedora dos equipamentos e software, possa fazer uma aferição em todo o sistema que passará a incluir o pátio Guido Caloi, em finalização.

Com isso, os passageiros que precisarem utilizar o ramal serão atendidos gratuitamente pelo sistema de ônibus PAESE entre 4h40 e 0h em todas as estações da linha. Os ônibus farão dois trajetos, o primeiro deles entre Capão Redondo e a estação Santo Amaro e o segundo, entre Santo Amaro e Santa Cruz. A escolha da parada ocorre por conta da Linha 9-Esmeralda, que pode ser uma alternativa para chegar a destinos mais distantes e outros ramais da rede.

A Linha 5-Lilás teve a última estação da fase de expansão entregue em abril, a parada Campo Belo, mas algumas obras ainda continuam sendo realizadas como a do pátio Guido Caloi, construído próximo à estação Santo Amaro. Maior que o pátio Capão Redondo, o local é capaz de abrigar 26 trens além de prover vários serviços de manutenção em complemento às instalações originais.

Embora o serviço do ramal esteja mais estável nos últimos tempos, a ViaMobilidade ainda não conseguiu reduzir os intervalos da Linha 5 para um patamar próximo ao planejado. Um dos gargalos também envolve a disponibilidade da Frota F, oito trens que foram usados desde a abertura da linha em 2002 e que hoje estão sendo preparados para operar com o CBTC – eles foram equipados originalmente com o sistema ATC.

Pátio Guido Caloi

About the author

Ricardo Meier

É um entusiasta do assunto mobilidade e sobretudo do impacto positivo que o transporte sobre trilhos pode promover nas grandes cidades brasileiras. Também escreve nos sites Airway (aviação) e AUTOO (automóveis).

Um comentário

Click here to post a comment
  • Deveriam aproveitar esse dia para sanar os muitos problemas que a linha vem apresentando nos últimos dias. Atrasos em cima de atrasos, falta trêm nas estações, visto que o movimento mais que triplicou com a expansão até a Chácara Klabin. Ainda está muito fraco, VIA MOBILIDADE está deixando muito a desejar em muitos aspectos.

Airway