Durante a apresentação das primeiras máquinas de autoatendimento que o Metrô passará a equipar suas estações, o secretário Clodoaldo Pelissioni, responsável pela pasta dos Transportes Metropolitanos, concedeu entrevista em que enumerou os próximos passos do governo em relação ao plano de expansão sobre trilhos na Grande São Paulo.

Sem a presença do governador Geraldo Alckmin, que pretendia comparecer ao evento na estação Clínicas da Linha 2-Verde, coube à Pelissioni comandar a inauguração. Veja a seguir os principais trechos e a íntegra da entrevista em vídeo.

36º trem para a CPTM

Clodoaldo lembrou que nesta sexta-feira foi entregue para operação o 36º trem novo para a CPTM da encomenda de 65 composições feitas a CAF e Rotem. Trata-se de um Série 8500 destinado à Linha 7-Rubi. Como a Linha 13-Jade utilizará alguns Série 9500 para iniciar sua operação, a companhia deve deslocar outros trens para dar sequência à renovação do ramal que chega até Jundiaí.

10 milhões de quilômetros

O secretário revelou que alguns dos trens mais antigos hoje em operação na CPTM já rodaram mais de 10 milhões de quilômetros, um claro sinal da necessidade de aposentá-los. Ele prometeu entregar os 29 trens que restam da encomenda até o final deste ano.

Testes com os trens da Linha 13-Jade

Clodoaldo deu mais detalhes a respeito dos primeiros testes iniciados nesta quinta-feira com trens da Série 9500 na nova linha da CPTM, 13-Jade. Segundo ele, já foram feitos testes de carga com lastros de areia para verificar o comportamento das composições e vias e neste sábado devem ser finalizadas as instalações de componentes como os guarda-corpos em todo o percurso de 12,2 km.

Para o domingo, o secretário prometeu os primeiros testes com a sinalização ATC que comandará os trens. A inauguração foi confirmada para sábado que vem, dia 31. Com seis dias apenas para testar o sistema de sinalização, resta saber se haverá condições de operar em modo automático no trecho.

Finalização das obras de seis estações na terça-feira (27)

O responsável pela STM também revelou que na próxima terça-feira acompanhará a finalização das obras nas estações prometidas para entrega em março mas que ficaram para abril: Moema na Linha 5, Oscar Freire na Linha 4 e São Lucas, Camilo Haddad, Vila Tolstói e Vila União na Linha 15.

Sem dizer claramente, Clodoaldo dá a entender que as seis estações serão abertas na primeira semana de abril (ainda antes da descompatibilização do governador Geraldo Alckmin).

Jardim Planalto pode ficar de fora

Durante a entrevista, Pelissioni disse ter esperança de contar também com a estação Jardim Planalto da Linha 15, mas que é provável que ela seja aberta em outra etapa.

Com reportagem e imagens de Fernando Galfo.

Leia no Lulica
Insônia, aumento de apetite, problemas de visão 29/9/2020