Destaques Linha 17

Com obras retomadas, veja como estão as estações da Linha 17-Ouro

Consórcio TIDP assumiu obras de mais três estações que já voltaram a ter movimento na semana passada
Estação Vila Cordeiro, a mais adiantada das que estavam com o consórcio Monotrilho Estações
Estação Vila Cordeiro, a mais adiantada das que estavam com o consórcio Monotrilho Estações

Cotado para assumir as obras do pátio da Linha 17, o consórcio TIDP já trabalha em três estações que estavam paradas após a rescisão do contrato pelo Metrô. Neste sábado, o blog conferiu como estão os obras de seis das sete estações. A empresa, inclusive, promovia a limpeza da avenida Roberto Marinho nos trechos das vias, onde há muito lixo e moradores de rua acampados.

Por falar em TIDP, nesta terça-feira, o secretário de Transportes Metropolitanos Clodoaldo Pelissioni confirmou que o consórcio deve assinar contrato para assumir a obra do pátio de manutenção, lote mais atrasado da linha.

Veja a seguir nossa galeria de imagens com fotos do dia 18 de junho.

Acesso estação Ver. José Diniz (lado Campo Belo)
Acesso estação Ver. José Diniz (lado Campo Belo)
Prédio administrativo da estação Brooklin Paulista. É o mais adiantado deles.
Prédio administrativo da estação Brooklin Paulista. É o mais adiantado deles.
Acesso da estação Jardim Aeroporto (q que fica ao lado do pátio)
Acesso da estação Jardim Aeroporto (q que fica ao lado do pátio)
A placa da TIISA em primeiro plano
A placa da TIISA em primeiro plano
A estação Chucri Zaidan é a mais atrasada das sete em obras. No sábado, havia bastante movimento com material chegando ao canteiro
A estação Chucri Zaidan é a mais atrasada das sete em obras. No sábado, havia bastante movimento com material chegando ao canteiro
Ao fundo será construído o prédio administrativo e o acesso principal da Chucri Zaidan
Ao fundo será construído o prédio administrativo e o acesso principal da Chucri Zaidan
Local do acesso e prédio administrativo da estação Vila Cordeiro
Local do acesso e prédio administrativo da estação Vila Cordeiro
Máquina estacionada ao lado da estação Vila Cordeiro
Máquina estacionada ao lado da estação Vila Cordeiro
Corpo da estação Campo Belo: ela tem colunas mais largas que as demais
Corpo da estação Campo Belo: ela tem colunas mais largas que as demais
Acesso Sul da estação Campo Belo
Acesso Sul da estação Campo Belo
Ao fundo o prédio técnico da estação Ver. José Diniz (lado Brooklin)
Ao fundo o prédio técnico da estação Ver. José Diniz (lado Brooklin)
Estação Brooklin Paulista
Estação Brooklin Paulista
Estação Vila Cordeiro, a mais adiantada das que estavam com o consórcio Monotrilho Estações
Estação Vila Cordeiro, a mais adiantada das que estavam com o consórcio Monotrilho Estações
Estação Jd. Aeroporto terá plataformas centrais ao contrário das demais
Estação Jd. Aeroporto terá plataformas centrais ao contrário das demais
Estação Jardim Aeroporto
Estação Jardim Aeroporto
Metade restante do corpo da estação Brooklin Paulista. Ela foi erguida parcialmente até que uma tubulação fosse deslocada para permitir as fundações da outra ponta.
Metade restante do corpo da estação Brooklin Paulista. Ela foi erguida parcialmente até que uma tubulação fosse deslocada para permitir as fundações da outra ponta.
As duas gruas (esquerda e centro) são do pátio. A da direita é da estação Jd. Aeroporto
As duas gruas (esquerda e centro) são do pátio. A da direita é da estação Jd. Aeroporto

About the author

Ricardo Meier

É um entusiasta do assunto mobilidade e sobretudo do impacto positivo que o transporte sobre trilhos pode promover nas grandes cidades brasileiras. Também escreve nos sites Airway (aviação) e AUTOO (automóveis).

Airway