Confira o avanço das obras da CPTM no mês de dezembro de 2021

No final do ano passado, foi entregue a obra de restauração da fachada da estação Luz. Na extensão da Linha 9, as obras da estação Varginha ganharam ritmo. Veja o panorama mais recente
Obras de ligação entre a estação Luz e a Sala São Paulo (Jean Carlos/SP Sobre Trilhos)

Durante o final do ano de 2021, diversas obras estavam em curso na CPTM para melhorar a experiência de viagem do passageiro. São empreendimentos que visam trazer melhorias nas estações, nos sistemas de controle e energia, além da abrangência do sistema, atendendo e atraindo novos passageiros.

Na Linha 7-Rubi prosseguem as obras de restauro da estação Jundiaí. O saguão externo, a cobertura e a plataforma 1 estão sendo alvo de trabalhos. A passarela metálica também está passando por melhorias, viabilizando seu uso com total segurança. Estão sendo investidos R$ 6,8 milhões de reais. A previsão é de entrega das obras no primeiro semestre deste ano.

Na estação da Luz a CPTM realizou a entrega da restauração da fachada da Rua Mauá. O investimento de R$ 2,1 milhões recuperou a estrutura de alvenaria e de madeira, dando-lhe maior vida útil e embelezando o local.

 Além disso, prosseguem as obras de ligação entre a estação Luz e a Sala São Paulo. O novo corredor panorâmico será uma alternativa para os passageiros que desejam prestigiar um dos mais conceituais pontos de cultura da cidade. Estão sendo investidos R$ 11,2 milhões com previsão de entrega das obras no primeiro semestre deste ano.

As obras até a estação Varginha ganharam um ritmo mais consistente nos últimos meses com avanços significativos no corpo da estação e também no trecho até a estação Mendes-Vila Natal. Destacam-se nessa etapa a construção dos viadutos ferroviários e rodoviários que permitirão a passagem dos trens sem a interferência dos veículos.

A expectativa é de que as duas estações da extensão possam atender mais de 110 mil passageiros diariamente. A previsão é que a estação Varginha seja entregue ainda neste ano.

As obras de melhoria nas estações da Linha 10-Turquesa englobam quatro estações: Prefeito Saladino, Utinga, São Caetano do Sul e Capuava. As intervenções visam adequar as estações dentro das normas de acessibilidade universal e de ambiente de trabalho. São R$ 82 milhões investidos com a previsão de entrega das benfeitorias no primeiro semestre de 2023.

A CPTM anunciou que a partir do dia 14 de janeiro a estação Capuava deverá ficar fechada por conta das obras de melhoria. Os passageiros que utilizam a estação contarão com os ônibus gratuitos do sistema PAESE.

A modernização nos sistemas de sinalização e energia trará melhores condições de transporte ao passageiro. Ambos os sistemas passarão por incrementos importantes que possibilitarão, além da redução do intervalo médio entre trens, a inserção de mais composições na operação, ampliando a oferta de lugares.

Nas linhas 10-Turquesa e 11-Coral o sistema de controle automático de trens CBTC está sendo implantado. Na linha 12-Safira as obras visam dinamizar o sistema existente permitindo intervalos de até três minutos nos horários de pico. As melhorias deverão ser entregues no segundo semestre de 2024.

Melhorias no sistema de sinalização (CPTM)

No Pátio Guaianases estão sendo realizadas obras de adequação no sentido de atender as normas exigidas dentro da NR-24. As principais melhorias esperadas estão na criação de novas áreas para os funcionários e a requalificação da área dedicada ao estacionamento de trens, facilitando o acesso dos funcionários da limpeza e dos maquinistas. A previsão de entrega das melhorias é para o primeiro semestre de 2023, sendo investidos R$ 7,7 milhões em toda a reforma.

Total
4
Shares
Previous Post

Linha 17-Ouro tem novo acidente com queda de viga-trilho

Next Post

CPTM abre licitação para construir terminal de ônibus da estação Varginha

Related Posts