Governo do estado define normas para transição dos cartões BOM e TOP

Cartão antigo só poderá ser recarregado até o dia 3 de abril, mas será aceito até que os créditos sejam utilizados, sem prazo determinado
Bilheteria convertida em loja do cartão TOP (Jean Carlos)

A Secretaria dos Transportes Metropolinos anunciou nesta segunda-feira (21) os procedimentos para transição do cartão BOM para o TOP. Segundo o órgão que controla o Metrô, CPTM e EMTU, o cartão BOM deixará de aceitar recargas à meia-noite do 04 de abril, quando só será aceito recarregar o cartão TOP, novo padrão de pagamento eletrônico adotado pelo governo estadual.

O cartão BOM continuará sendo aceito no transporte coletivo enquanto houver saldo, mas deixará de funcionar quando ele acabar – os créditos não expirarão, o que significa que o cartão ainda será aceito por tempo indeterminado.

O governo aconselha os usuários a emitir o cartão TOP antes mesmo de ter esgotar o saldo no BOM, permitindo o uso simultâneo de ambos. “Outro ponto importante do TOP é que fica mantido o benefício do desconto de R1,50 na integração entre ônibus e trilhos, a exemplo do que já ocorria com o BOM”, diz nota da STM.

Assim como nos cartões pessoais, também o vale-transporte só poderá ser recarregado no BOM até o dia 3 de abril.

A gestão Doria anunciou no ano passado que encerraria a venda de bilhetes magnéticos no Metrô e CPTM assim como fecharia todas as bilheterias das estações, alegando redução de custo proporcionada pelo cartão TOP e o uso do bilhete QR Code. Após encerrar o funcionamento dos guichês nas estações Granja Julieta e Belém, a STM suspendeu o processo.

Já o cartão e aplicativo TOP apresentaram diversos problemas durante sua implantação, irritando muitos passageiros. O governo tomou medidas para solucionar os problemas deste então.

Total
23
Shares
4 comments
  1. Continua dando milhares de problemas não funciona para fazer a troca você tem que pagar e mesmo assim não chega o cartão.
    Vejo muitas pessoas pagando em dinheiro 💰 para evitar transtornos e perder o dia de trabalho.Minha filha solicitou a troca de um cartão de Crédito feito em casadinha com a TOP o qual ela se recusou aceitar . E mesmo assim não funcionou hoje 23/03/2022 faz mas de dois meses que fica um jogo de empurra para enviar esse TOPeira.O povo foi enganado mais uma vez e uma empresa que não tem capacidade nem de atendimento.Ufffa

  2. Bela “jestão” que temos. Como vai trocar um sistema sendo que o outro nunca funcionou e é algo de inúmeras fraudes. Tem algo muito errado nisso aí e vai acabar estimulando a volta do uso em larga escala do dinheiro nos coletivos, aí vamos ver o tamanho da encrenca.

  3. O sistema dos Auto Antendimento Top são muito lentos, prefiro as vezes pagar a passagem em dinheiro no ônibus.

Comments are closed.

Previous Post

Metrô admite atraso na expansão da Linha 2-Verde até Penha

Next Post

CPTM posterga licitação de terminal de ônibus da estação Varginha

Related Posts