O Metrô anunciou nesta sexta-feira, 23, o início das intervenções na avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello para construção de um trecho de 380 de vias da Linha 15-Prata. Trata-se da primeira parte do projeto que levará o ramal de monotrilho até a estação Ipiranga, da Linha 10-Turquesa da CPTM.

A obra, revelada em primeira mão pelo site MetrôCPTM em novembro de 2019, deverá ficar pronta em 2022 e permitirá que os trens possam mudar de via após a estação Vila Prudente. Atualmente, o track-switch existente está localizado um pouco antes das plataformas, o que tira agilidade da operação.

Nessa primeira etapa serão implantados os pilares que sustentarão as vigas-trilho e também a estrutura onde serão instalados os equipamentos de mudança de via. Como mostrou o site, esse novo trecho chegará próxima de uma comunidade à beira da avenida e que já recebeu contatos do Metrô para uma futura remoção.

Enquanto esse trabalho está sendo executado pelo consórcio Monotrilho Leste, formado pelas empresas OAS e Queiroz Galvão, a obra de extensão da Linha 15 até o Ipiranga ainda será licitada. A companhia está preparando o projeto executivo no momento além de estudos para alteamento de rede de alta tensão na região.

Os dois “rabichos” da Linha 15: já parte de futuras extensões

No relatório mensal que divulga o andamento das obras, o Metrô projeta que a futura estação Ipiranga deverá ser entregue em 2024, mas a previsão é pouco confiável já que existem etapas complexas à frente como a liberação de áreas onde a via será implantada, licenças ambientais e a própria licitação. Diante dos impasses que ocorreram em outros contratos públicos da empresa não é possível confiar em qualquer estimativa atualmente.

A inclusão da estação Ipiranga na Linha 15-Prata ocorreu anos depois do projeto original, quando o Metrô chegou à conclusão que Vila Prudente poderia ficar sobrecarregada após a extensão da Linha 2-Verde e a chegada do monotrilho à Cidade Tiradentes. Em 2015, os estudos para o projeto foram iniciados, mas acabaram suspensos.

Quando chegar no Ipiranga, os usuários do monotrilho poderão seguir com mais facilidade em direção ao centro da capital, além de criar uma conexão mais rápida com o ABC Paulista.