Caieiras deverá ganhar nova estação da Linha 7

A nova estação será construída ao norte da parada atual. Novas vias deverão ser instaladas para o serviço da Linha 7-Rubi, enquanto as vias atuais serão utilizadas para o TIC e os trens da MRS
Nova estação de Caieiras será construída ao norte do edifício atual (Jean Carlos/SP Sobre Trilhos)

A cidade de Caieiras deverá ganhar uma nova estação. O projeto da PPP do Trem Intercidades prevê que a estação Caieiras da Linha 7-Rubi deverá ser realocada para uma nova posição, de forma que uma nova edificação seja construída, sendo completamente dotadas dos itens essenciais para acessibilidade universal.

A realocação da estação Caieiras se justifica pelo fato da disposição atual das vias não comportar a passagem dos trens do TIC e da linha de carga segregada da MRS Logística. O objetivo com a nova estação é de construir uma área dedicada apenas para os passageiros da Linha 7-Rubi, enquanto a estrutura e vias existentes na estação atual serão utilizadas pelos trens de carga e pelo serviço expresso entre São Paulo e Campinas.

Nova estação de Caieiras (STM)

A estação atual foi construída no ano de 1897 e se trata de um patrimônio tombado, portanto, a edificação atual não deverá passar por nenhuma modificação. As obras de construção da nova estação serão de responsabilidade da CPTM.

A nova estação Caieiras será edificada em plataforma central, facilitando o deslocamento aos passageiros que terão acesso aos trens no sentido Palmeiras-Barra Funda e Francisco Morato. Duas novas vias deverão ser construídas, uma vez que as atuais serão utilizadas pelo serviço do Trem Intercidades e pelos trens de carga da MRS.

Cortes da nova estação de Caieiras (STM)

Uma nova passarela de acesso deverá ser construída para promover a transposição dos passageiros em ambas as margens da ferrovia com segurança. A nova estação deverá contar com três novos elevadores, sendo dois deles posicionados nos acessos e um posicionado na área paga da estação, ligando a plataforma ao mezanino.

O projeto foi desenvolvido em convênio com a MRS Logística, atual operadora de carga do trecho entre Santos e Jundiaí. Na documentação fornecida na consulta pública é possível ver as diversas áreas que compõem a estação, desde os espaços dedicados para a livre circulação, até as salas técnicas.

Disposição das vias na nova estação (STM)

Não foi possível observar a existência de espaços dedicados para a geração de receitas acessórias, mas tendo em vista que os projetos das demais estações preveem espaços dessa natureza, é possível deduzir que a estação poderá contar com uma área específica para o comércio. Esses espaços ativam a economia local e gerarão receita para a futura concessionária da Linha 7-Rubi

O site está realizando uma análise das estações que serão reformadas no projeto do Trem Intercidades. Você pode acessar nossos outros artigos nos links abaixo:

Total
21
Shares
5 comments
  1. Essa obra vai ser linda para minha magnifica cidade de Caieiras.
    Obra monumental. Será com essa obra a melhor cidade da america latina para viver. Será um ponto turistico da cidade. Estou emocionada em ver como governo está trabalhando para o bem da minha cidade.
    I LOVE CAIEIRAS S2

  2. Eu to vendo que tão enfiando um monte de coisa pra concessionaria que pegar a L7 fazer…
    Ou vão cortar tudo antes do leilão ou vão fazer uns projetos porcos de estações.

    1. 80 % do investimento será público. Serão quase 6 bilhões .

      Não se sabe de onde o governo tirou esse dinheiro, já que a alegação é q não tem. E também nunca investiu essa quantidade de grana na linha 7 enquanto esteve sob seu comando. Pra conceder vale tudo.

      Tá tudo dominado

      1. Pois é bizarro, vários projetos sub dimensionados, especialmente a estação Água Branca, quase bancado pelo governo pra empresário lucrar depois, olha sinceramente paulista ama ser feito de trouxa viu, 30 anos de cptm melhorando tudo pra darem pra empresário lucrar em cima doq os nossos impostos pagaram

Comments are closed.

Previous Post

Greve é descartada e Metrô funciona normalmente nesta quinta, 9

Next Post

CPTM lança licitação para anteprojeto da extensão leste da Linha 13-Jade

Related Posts