CPTM e Eletromidia firmam convênio para tornar a estação Vila Olímpia sustentável

Acordo terá duração de 60 meses e visa reduzir o impacto ambiental da estação da Linha 9-Esmeralda. Modelo pode ser estendido para outras estações
Convenio trará varias melhorias para a estação (Jean Carlos/SP Sobre Trilhos)

Passado alguns meses do envio da primeira proposta para tornar a estação Vila Olímpia, na Linha 9-Esmeralda, uma parada sustentável, a CPTM formalizou um convênio com a famosa empresa de publicidade Eletromidia. O local deverá passar por uma série de melhorias no intuito de dotar a estação de novos aparatos ecologicamente corretos.

As mudanças

Os investimentos são voltados não somente à infraestrutura da estação, mas também atinge o mobiliário, que deverá ser substituído, a utilização de painéis fotovoltaicos para captação de energia solar e modernização dos bicicletários, que deverão ser dotados de carregadores para utilização de bikes elétricas.

Jardins verticais deverão ser implantados fazendo com que a temperatura da estação diminua naturalmente. Um dos sistemas mais comuns em novas estações da CPTM tambem deverá ser implantado. Trata-se da captação das águas da chuva para reuso nas lavagens da estação e também para os banheiros, poupando água potável. Sistemas luminosos deverão indicar pontos da estação que possuem alguma relação com os serviços de sustentabilidade.

As tradicionais tomadas para carregamento de celulares tambem estão inclusas nas melhoris da estação, trazendo ao passageiro maior conforto e comodidade enquanto espera seu trem na plataforma. Para os ciclistas, outra boa notícia. Agora a estação passará a ser dotada de calhas nas escadas fixas, o que vai facilitar em muito a vida das pessoas que venham a usar a ciclovia existente ao lado da estação.

A parceria entre a CPTM e a Eletromidia devera ter um prazo de 60 meses, ou seja, serão 5 anos para a implantação dessas melhorias. Dessa forma, a estação localizada em uma região nobre da cidade de São Paulo, deverá ser referência para projetos futuros que visem trazer uma visão mais ecológica e sustentável aos empreendimentos da CPTM.

Formalização do convenio no DOE do dia 12/03/2021 (Imprensa Oficial)
Total
7
Shares
Previous Post

Trecho Grajaú-Mendes-Vila Natal da Linha 9-Esmeralda começa a tomar forma

Next Post
Linha 17 Ouro Congonhas

Baldy mantém aposta na entrega da Linha 17-Ouro em 2022

Related Posts