CPTM Destaques Linha 17 Linha 9 Metrô de São Paulo

Obras da estação Morumbi da Linha 17 vão alterar operação da Linha 9-Esmeralda

Trecho entre as estações Santo Amaro e Berrini será interrompido em parte do sábado e em todo domingo. Trabalhos irão do dia 7 de setembro até 27 de outubro
Estação Morumbi da Linha 17: obras vão interditar vizinha Linha 9 para construção do mezanino de interligação (CMSP)

As obras de construção da estação Morumbi da Linha 17-Ouro de monotrilho passarão por uma fase intensiva nas próximas semanas com o objetivo de construir o mezanino metálico que a ligará à estação de mesmo nome da Linha 9-Esmeralda, da CPTM. Por essa razão a Secretaria dos Transportes Metropolitanos divulgou nesta segunda-feira (2) que interditará o trecho entre as estações Santo Amaro e Berrini (Linha 9) entre às 21 horas de sábado e por todo domingo entre os dias 7 de setembro e 27 de outubro.

Os passageiros que utilizam o ramal serão orientados a usar as linhas 5-Lilás, 2-Verde e 4-Amarela para desviar da região ou usar o serviço PAESE em ambos os sentidos. Durante os feriados da Independência (7 de setembro) e de Nossa Senhora da Aparecida (12 de outubro), as estações estarão fechadas também aos sábados.

Nesse mesmo período, a CET fechará a pista expressa da Marginal Pinheiros na região para facilitar o acesso dos veículos que trarão as peças metálicas necessárias para a construção do mezanino.

A estação Morumbi do monotrilho está sendo erguida ao sul da sua homônima da CPTM e já atingiu o piso das plataformas na parte de obras civis. Para ligar as duas estações, o Metrô projetou um acesso metálico sobre os trilhos da Linha 9 e no extremo da parada de trens metropolitanos. Por essa razão, será preciso montar a estrutura sem a circulação das composições, por segurança (veja imagem esquemática abaixo).

Com cerca de 7,8 km de extensão e oito estações, a Linha 17-Ouro de metrô leve (monotrilho) teve sua construção iniciada em 2012 e atualmente não tem previsão de conclusão. O Metrô está em meio à licitações para contratar uma empresa para as obras remanescentes e para fornecer os trens e sistemas após rescindir contrato com o consórcio Monotrilho Integração.

A Constran fez a melhor proposta para as obras e aguarda a habilitação da sua documentação. Já a licitação de sistemas e trens está marcada para o dia 15 de setembro.

Como será o mezanino das estações Morumbi (CMSP)

Veja a seguir como funcionará o perído de interdição da Linha 9-Esmeralda:

DATAS E HORÁRIOS

  • Fins de semana de 07/09 e 12/10:

Interdição da Linha 9-Esmeralda, entre Santo Amaro e Berrini, durante todo o dia nos sábados (07/09 e 12/10) e também nos domingos (08/09 e 13/10). A operação volta ao normal às 4h da manhã nos dias 09/9 e 14/10 (segundas-feiras);

Bloqueio da Marginal Pinheiros (expressa, sentido Castelo Branco, entre Ponte Transamérica e Estação Berrini) das 22h das sextas-feiras (06/09 e 11/10) até as 3h30 das segundas-feiras (09/09 e 14/10).

  • Fins de semana de 14, 21 e 28/09, 05, 19 e 26/10:

Interdição da Linha 9-Esmeralda, entre Santo Amaro e Berrini, a partir das 21h dos sábados (14, 21 e 28/09, 05, 19 e 26/10), se estendendo pelos domingos (15, 22 e 29/09, 06, 20 e 27/10). A operação volta ao normal às 4h das segundas-feiras (16, 23 e 30/09, 07, 21 e 28/10);

Bloqueio da Marginal Pinheiros (expressa, sentido Castelo Branco, entre Ponte Transamérica e Estação Berrini) das 21h dos sábados (14, 21 e 28/09, 05, 19 e 26/10) até as 3h30 das segundas-feiras (16, 23 e 30/09, 07, 21 e 28/10).

ALTERNATIVAS

Para minimizar o transtorno aos passageiros da rede sobre trilhos, a Secretaria dos Transportes Metropolitanos (STM) criou estratégia envolvendo Metrô e CPTM, além das concessionárias ViaQuatro e ViaMobilidade, que administram as linhas 4-Amarela e 5-Lilás, respectivamente, com o apoio da CET e SPTrans.

Serão afixados cartazes e banners com informações sobre as interdições e alternativas, além da presença de funcionários para orientação nas principais estações da CPTM e de metrô. Também haverá equipe para acompanhar pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, auxiliando na chegada aos ônibus do Plano de Atendimento em Situações de Emergência (Paese). Além disso, mensagens informativas serão veiculadas nos sistemas sonoros das estações das linhas 9-Esmeralda, 4-Amarela e 5-Lilás, e nos monitores de todos os trens.

Como alternativa, os passageiros poderão optar por seguir pelo sistema sobre trilhos, utilizando as linhas de metrô para voltar à Linha 9 ou seguir a viagem para outras regiões.

  • Sentido Osasco

Para quem vai no sentido Osasco, a opção é descer na Estação Santo Amaro e utilizar as linhas 5-Lilás (até Chácara Klabin), 2-Verde (até Consolação/Paulista) e 4-Amarela, retornando à Linha 9 em Pinheiros.

  • Sentido Grajaú

Para quem vai no sentido Grajaú, a opção é descer na Estação Pinheiros e utilizar as linhas 4-Amarela (até Paulista/Consolação), 2-Verde (até Chácara Klabin) e pegar a 5-Lilás para retornar à Linha 9 em Santo Amaro.

PAESE

Ônibus do sistema Paese estarão à disposição para que o passageiro possa continuar a viagem nos dois sentidos da Linha 9. Os coletivos vão percorrer o trecho interditado em tempo estimado de 15 minutos no sentido Berrini e 25 minutos no sentido Santo Amaro, dependendo das condições do trânsito.

  • Senha

Para a utilização dos ônibus do Paese, os passageiros que já estiverem nas estações Santo Amaro (seja da Linha 9 ou da Linha 5) ou Berrini, deverão retirar uma senha na área paga, próximo às catracas. A senha será entregue pelo passageiro para retornar ao sistema sem ter que pagar novamente a passagem;

Já os passageiros que estavam fora do sistema podem utilizar os ônibus do Paese gratuitamente, acessando as estações Santo Amaro ou Berrini com o pagamento da tarifa.

  • Santo Amaro – Embarque e desembarque

O acesso aos ônibus do Paese será na avenida Padre José Maria, próximo ao acesso à estação; no mesmo local será feito o desembarque.

  • Berrini – Embarque e desembarque

O embarque será na Avenida das Nações Unidas (Marginal Pinheiros), sob a passarela da estação; O desembarque será na Avenida das Nações Unidas (Marginal Pinheiros), esquina com a rua Joel Carlos Borges.

MARGINAL PINHEIROS

Como alternativa ao bloqueio da pista expressa da Marginal Pinheiros, os agentes de trânsito da CET vão desviar o tráfego para a pista local. Faixas serão colocadas ao longo da via para informar sobre a intervenção e os desvios.

Para informações sobre o funcionamento das linhas ao longo das intervenções, os passageiros podem entrar em contato com a CPTM, por meio do 0800-055-0121. Informações sobre as obras da Linha 17-Ouro podem ser obtidas com a Central de Atendimento à Comunidade, do Metrô, pelos telefones (11) 3371-7519 e (11) 3371-7520.

About the author

Ricardo Meier

É um entusiasta do assunto mobilidade e sobretudo do impacto positivo que o transporte sobre trilhos pode promover nas grandes cidades brasileiras. Também escreve nos sites Airway (aviação) e AUTOO (automóveis).

3 Comentários

Click here to post a comment
  • Ja tem alguma noticia sobre quem vai fornecer os trens da L17? Não vejo motivo pra correrem tanto na construção se n tem material rodante.

    • Primeiro existem contratos a serem cumpridos e a construçao das estaçoes ainda tem muito chao, devem demorar mais hum ano pelo menos, e depois tem colocaçao de equipamentos eletricos, eletronicos e todos os testes ! segundo, como lembrou o Matheus voce deveria ler o artigo com cuidado e tambem as noticias nos jornais ! licitaçao para material rodante deve ocorrer no dia 15 de setembro !

Airway