Doria promete edital do Trem Intercidades em março

Licitação prevê implantar a extensão entre São Paulo e Campinas, com uma segunda fase até Americana. Investimento no projeto será de R$ 8,5 bilhões
Trem regional Coradia (Alstom)

O governador João Doria revelou ao jornal Correio Popular em entrevista que o projeto do Trem Intercidades – Eixo Norte, ligando São Paulo a Campinas, será lançado em março. O investimento atualizado, segundo ele, será de R$ 8,5 bilhões.

O primeiro trecho atenderá as estações Palmeiras-Barra Funda, na capital, Jundiaí e Campinas, mas o tucano afirmou ao jornal que o contrato incluirá uma futura extensão até Americana.

O edital está sendo finalizado pela Secretaria dos Transportes Metropolitanos antes de ser levado para aprovação junto ao Comitê Gestor de Parcerias Público-Privadas (CGPPP). No segundo semestre do ano passado, os detalhes da licitação foram apresentados numa audiência pública e posteriormente abertos para consulta pública – o governo também realizou sondagens junto à empresas interessadas.

Trajeto do TIC

Além do serviço do Trem Intercidades (TIC), a concessão prevê outro serviço, o Trem Intermetropoitano, entre Francisco Morato e Campinas, e a operação da Linha 7-Rubi, da CPTM. Por esses serviços, a concessionária poderá receber por meio de disponibilidade de trens e viagens em vez de uma tarifa por passageiro transportado, como ocorre em outras concessões.

Veja também:

Já o TIC terá uma faixa de tarifas em que a empresa privada poderá atuar, estabelecendo preços promocionais e diferenciados, dependendo do horário e trajeto.

O trajeto São Paulo-Campinas terá 101 km e será feito em velocidade média de 95 km/h, com um tempo de viagem de 1 hora e 4 minutos. As partidas ocorrerão a cada 15 minutos no horário de pico.

A previsão de Doria significa um atraso de três meses no cronograma divulgado durante a audiência pública, em agosto. Na época, o governo planejava publicar o edital em dezembro com o objetivo de levá-lo a leilão em abril deste ano. Com isso, o Trem Intercidades deverá começar a funcionar por volta de 2029, a princípio.

Como normalmente ocorre, o edital deverá ficar disponível cerca de três meses para análise dos potenciais interessados e esclarecimentos de dúvidas. Caso não haja nenhuma surpresa (o que é raro num projeto dessa magnitude), o leilão poderia ocorrer entre o final de junho e começo de julho, com a assinatura de contrato marcada o quarto trimestre, aproximadamente.

A publicação do edital em março também permitiria a Doria participar de um eventual anúncio do projeto já que o governador deverá se descompatibilizar do cargo no início de abril a fim de participar das eleições para presidente do Brasil em outubro.

Total
49
Shares
3 comments
  1. Esse trem intercidades me parece mais uma daquelas obras folclóricas como Despoluição do Rio Tietê, Túnel Santos-Guarujá ou o Muro do Trump.

  2. Em tese, esse leilão não pode ocorrer depois de abril devido ao período eleitoral. Mas no Brasil de hoje, se pode tudo …

Comments are closed.

Previous Post

Prefeitura de Taboão e ViaQuatro se reúnem para discutir ligação de ônibus até Vila Sônia

Next Post

CPTM fechará estação Capuava para realizar obras de adequação

Related Posts